• Novidades

    Sistema de propulsão por GNL do flagship Costa Smeralda, da Costa Cruzeiros, é aprovado com sucesso

    Costa Cruzeiros conclui os testes técnicos em mar do sistema de propulsão por GNL (Gás Natural Liquefeito) instalado no navio Costa Smeralda. 

    Costa-Smeralda | Foto: Divulgação

    A inovação irá garantir à indústria de cruzeiros uma redução significativa em impacto ambiental; O primeiro cruzeiro do Costa Smeralda parte de Savona (Itália) em 21 de dezembro de 2019

    São Paulo, novembro de 2019 – O flagship Costa Smeralda, da Costa Cruzeiros, concluiu com êxito os testes técnicos no mar de seu sistema de propulsão por GNL (Gás Natural Liquefeito). Movido com o combustível fóssil mais limpo do mundo, o Costa Smeralda representa uma inovação real para a indústria de cruzeiros. 

    O Costa Smeralda é o primeiro navio de cruzeiro de bandeira italiana e o segundo no mundo a usar esse tipo de combustível tanto no porto quanto no mar, garantindo assim um baixo impacto ambiental. O primeiro no mundo foi o navio AIDAnova, que também pertence ao Grupo Costa. O GNL permite a eliminação total nas emissões de dióxido de enxofre e de material particulado e uma redução significativa de óxido de nitrogênio e CO2. 

    O novo sistema de propulsão por GNL do Costa Smeralda passou por uma série de testes no mar desde a semana passada. Foram verificados o correto funcionamento dos equipamentos e motores. 

    O abastecimento de navios de cruzeiro com GNL é uma inovação na qual fomos os primeiros a acreditar quando encomendamos o Costa Smeralda há cinco anos. Nos tornamos um exemplo para o setor que, por sua vez, já foi replicado por outras empresas. É uma tecnologia segura e confiável, e que atualmente é a solução mais eficaz e viável para garantir uma redução significativa no impacto ambiental dos navios de cruzeiro no porto e no mar,  declara Neil Palomba, presidente Global da Costa Cruzeiros. 

    Finalizados os testes no mar, o navio retornou ao estaleiro Meyer Turku, na Finlândia, para a conclusão das áreas internas. O primeiro cruzeiro do Costa Smeralda parte de Savona no dia 21 de dezembro de 2019. O itinerário, que será repetido até 16 de maio de 2020, inclui Savona (sábado), Marselha (domingo), Barcelona (segunda-feira), Palma de Maiorca (terça-feira), Civitavecchia/Roma (quinta-feira) e La Spezia (sexta-feira).

    A inovação do gás natural liquefeito está atrelada a outras inovações tecnológicas a bordo, projetadas para reduzir ainda mais o impacto ambiental do navio e fazer do Costa Smeralda uma verdadeira "cidade inteligente" itinerante. 

    O navio pode produzir diariamente a água necessária para o uso a bordo, convertendo diretamente a água do mar, e ainda irá minimizar o consumo de energia por meio de lâmpadas LED. O Costa Smeralda também está apto para recuperar o calor produzido pelos motores; conta com elevadores de última geração; e representa o compromisso da companhia em reduzir continuamente o consumo de plástico a bordo. Além disso, a forma como o casco do Costa Smeralda foi desenvolvido possibilita a diminuição significativa de atrito com a água do mar. 

    Os projetos de economia circular também serão estimulados no Costa Smeralda, onde haverá a coleta e a reciclagem de 100% dos materiais como plástico, papel, vidro e alumínio. O flagship irá dedicar grande atenção ao tema da alimentação por meio do programa 4GOOFOOD, que visa diminuir o desperdício de alimentos e recuperar os excedentes para fins sociais. No Restaurante LAB - Laboratório de Sabor, espaço que convida o hóspede a preparar sua própria refeição, os alimentos não utilizados durante o processo serão revertidos no campo da sustentabilidade alimentar. 

    Nenhum comentário