• Novidades

    Congresso sobre envelhecimento reúne especialistas brasileiros e internacionais no RJ, de quinta (31/10) a sábado (2/11)

    No Estado com a maior proporção de idosos, GeriatRio abordará ainda envelhecimento saudável, prevenção e tratamentos de doenças relacionados a este período da vida


    No Brasil, hoje há mais de 29 milhões de pessoas acima dos 60 anos e a expectativa, segundo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é que o número ultrapasse os 73 milhões até 2060. Apenas o Rio de Janeiro é o Estado, ao lado do Rio Grande do Sul, com maior proporção de idosos: 18,6% da população
    .
    Para debater o envelhecimento saudável, a prevenção e o tratamento de doenças relacionadas a esse período da vida, o Rio de Janeiro (RJ) recebe, de 31 de outubro a 2 de novembro de 2019, o 10º GeriatRio, que acontecerá no Windsor Barra Hotel. O evento bianual reúne geriatras, especialistas em gerontologia, gerontólogos e profissionais que atuam ou se interessam pela área, do Brasil, da América Latina e da Europa.

    Com o tema “O envelhecimento hoje e amanhã: a sociedade em transformação”, o Congresso, maior da especialidade no Estado, será na capital carioca, que tinha quase 180 mil idosos, em 2015, conforme dados do Sistema de Indicadores de Saúde e Acompanhamento de Políticas do Idoso, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

    Segundo a médica geriatra e presidente da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia, seção Rio de Janeiro (SBGG-RJ), Drª. Ana Cristina Canêdo, o objetivo do GeriatRio é “discutir e, quem sabe, ser uma plataforma para impulsionar ações concretas de transformação, desde o universo relacional de cada profissional até iniciativas mais amplas na área do envelhecimento”.

    Faltam especialistas

    No Brasil, em geral, não há profissionais suficientes para atender ao crescimento do número de idosos. Apenas com relação aos médicos, a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) é de que exista um geriatra para cada mil idosos. Mas no país a proporção ainda é de um para 16 mil idosos, de acordo com dados do Conselho Federal de Medicina, de 2018. Além disso, os profissionais ainda estão mal distribuídos: apenas no Sudeste o percentual era de 60% dos geriatras.

    O Brasil envelhece de forma acelerada. Em cerca de 20 anos, o país terá mais idosos que crianças. Tal panorama demográfico exige transformações, que dizem respeito a todos os segmentos de uma sociedade ainda marcada por desigualdades e preconceitos, defende a presidente da SBGG-RJ.

    Temas diversos em envelhecimento

    O odontólogo, especialista em Gerontologia e presidente da Gerontologia da SBGG-RJ, Dr. Almir Oliva, conta que a programação do Congresso contempla desde assuntos sobre enfermidades relacionadas à idade, mas especialmente sobre saúde, além de temas bastante atuais, como a judicialização da saúde, tecnologias, neurociências e o uso de canabinoides para fins terapêuticos.

    O GeriatRio também terá a presença de palestrantes internacionais, como Enrique Vega, coordenador da Unidade de Curso de Vida Saudável, da Organização Panamericana de Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OPS/OMS), Clemente Humberto Zúñiga Gil, secretário geral do Comitê Executivo da Acadêmica Latinoamericana de Medicina de Adulto Maior (ALMA), Soraya León Araya, presidente da Sociedade de Odontogeriatria do Chile (SOGCh), e Leocadio Rodriguez Mañas, chefe do Serviço de Geriatria do Hospital Universitário de Getafe, em Madri, na Espanha.

    “O diálogo multidisciplinar perpassará o evento, que inclui também atividades específicas de imersão, para um aprofundamento de habilidades relativas a cada área. Haverá, ainda, oportunidade para atualização sobre abordagem das doenças crônicas mais prevalentes em pessoas idosas, bem como destaques científicos em Geriatria e Gerontologia, com o intuito de que o Congresso possa se traduzir em experiências clínicas bem sucedidas”, conclui ele.

    A programação completa e as inscrições podem ser realizadas no site http://www.geriatrio2019.com.br/


    Sobre a SBGG

    Fundada em 16 de maio de 1961, a SBGG é uma associação civil sem fins lucrativos que tem como principal objetivo congregar médicos e outros profissionais de nível superior que se interessem pela Geriatria e Gerontologia, estimulando e apoiando o desenvolvimento e a divulgação do conhecimento científico na área do envelhecimento. Além disso, visa promover o aprimoramento e a capacitação permanente dos seus associados.

    Serviço
    10º GeriatRio

    Local: Windsor Barra Hotel (Av. Lúcio Costa, 2630 -- Barra da Tijuca), Rio de Janeiro (RJ)
    Data: 31/10 a 02/11

    Nenhum comentário