• Novidades

    Mulheres estão em apenas 37% dos cargos de chefia em empresas

    Grandes personalidades femininas conseguem se colocar nesse meio 


    A mulher já conquistou bastante espaço no mercado de trabalho, elas respondem atualmente por 43,8% de todos os trabalhadores brasileiros. Mas a participação vai caindo conforme aumenta o nível hierárquico. Elas representam 37% dos cargos de direção e gerência. No topo, nos comitês executivos de grandes empresas, elas são apenas 10% no Brasil. Entrar nesse meio é difícil, mas grandes mulheres conseguem graças a sua competência.

    Madalena Feliciano | Foto: Divulgação

    Uma delas é Madalena Feliciano, CEO de duas empresas, Outliers Careers e IPCoaching, consultora executiva de carreira e master coach internacional. Com muitas dificuldades como o desemprego na família e poucos recursos, conseguiu abrir suas empresas e se destacar como grande executiva. Madalena conta que valoriza a figura feminina em seu trabalho e conta da dificuldade em se inserir num seleto grupo de mulheres chefes. “Eu valorizo muito as mulheres na contratação de colaboradores para minha empresa, porque a mulher consegue unir o conhecimento técnico ao seu lado humano” conta ela.

    Outro dado interessante é que as mulheres já chefiam 36% das melhores empresas para trabalhar no Brasil. Bem acima dos 11% de cargos de liderança no ano de 1997. O crescimento da confiança em chefes mulheres demonstra que a aliança da firmeza com o lado mais sensível das mulheres pode ser o segredo para grandes chefias. Para esse número crescer ainda mais, as mulheres podem buscar formas de realocação profissional. Grandes líderes, como é o caso de Madalena, se formam através de autoconhecimento, virtudes e personalidade.

    Madalena Feliciano é CEO da Outliers Careers, empresa especializada em serviços de desenvolvimento humano utilizando as mais respeitadas metodologias e ferramentas de mercado e já ganhou prêmios como o Top of Mind e o de Empresária do Ano por duas vezes. Ela explica que se as mulheres buscarem mais esse autoconhecimento para se entenderem e entenderem o mercado como um todo pode adentrar ainda mais os grandes cargos. “Grandes mentes lideram grandes corporações. Se hoje sou uma mulher de sucesso foi graças a esse tipo de processo comigo mesma. Outras mulheres podem e devem ir atrás disso”, completa Madalena.

    Nenhum comentário