• Novidades

    5 Dicas de alimentação no Carnaval

    Linha de sucos Fruto da Fazenda da Superbom 
    Divulgação/Superbom
    Nutricionista sugere alimentos que podem dar mais energia e evitar desconfortos no feriado
    O Carnaval é um dos feriados mais esperados pelos brasileiros, período em que muitos aproveitam para viajar, descansar ou encontrar os amigos nos dias de folga. Independente do propósito, é importante manter uma alimentação equilibrada durante o feriado para prevenir incômodos e até ter mais disposição.
    Segundo Cyntia Maureen, nutricionista e consultora da Superbom, empresa alimentícia especializada na fabricação de produtos saudáveis, as pessoas que cometem excessos nesta época podem apresentar problemas de digestão, na pele e fortes dores de cabeça.  
    Pensando nisso, a profissional elenca dicas de alimentação para todos aproveitarem o feriadão com a saúde em dia:  
    1. Refeições principais: quando saímos da nossa rotina de horários o organismo sente, por isso é importante planejar as refeições o máximo possível para que o corpo não sinta tanta diferença na mudança de horários e hábitos. “Para os que viajam, às vezes é inevitável ficar preso no trânsito ou nas longas filas de aeroportos, e como nem sempre é possível parar em algum estabelecimento para se alimentar adequadamente, é importante ter na bolsa snacks saudáveis, frutas ou castanhas para saciar a fome”, indica.
    2. Hidratar-se: a alta exposição ao sol nas praias e passeios exige a ingestão de muita água e bebidas saudáveis para repor as proteínas perdidas com o suor. Além dos dois litros de água por dia, a dica é optar por sucos integrais ou naturais que ajudam a evitar a desidratação e, por consequência, queda de pressão e desmaios.
    3. Alimentos gordurosos e doces em excesso: comidas ricas em gordura e glicose são diretamente responsáveis por enjoos, diarreias e demais problemas digestivos, por isso é importante evitá-los. O ideal é manter uma alimentação leve e balanceada, priorizando verduras, frutas e legumes.
    4. Longos períodos sem comer: o trânsito e as filas também podem pegar algumas pessoas desprevenidas que não têm à disposição aperitivos saudáveis que possam aliviar o apetite momentâneo. Porém, a profissional alerta que ficar muitas horas sem comer pode causar hipoglicemia, desmaios, irritabilidade e dor de cabeça. “Em pessoas com diabetes o risco é ainda maior porque a hipoglicemia, por exemplo, pode acarretar em convulsões e até coma”, pontua.
    5. Exposição ao sol: alguns alimentos também ajudam a dar maior proteção para pele durante as horas ao sol como tomate, laranja, cenoura, manga e batata doce, que possuem alta concentração de antioxidantes e fitoquímicos que agem diretamente sobre as células da pele evitando seu envelhecimento precoce.
    Sugestão de produtos
    Sucos integrais - Superbom

    Linha de sucos da Superbom, nutritivos e saborosos, as bebidas são ideais para hidratar o organismo e repor as energias, além de serem em versões de 200 ml para um consumo rápido e único quando necessário. Disponíveis nos sabores uva, maçã, tangerina e manga com maçã.      

    Sobre a Superbom



    A Superbom é uma empresa alimentícia, que trabalha com uma linha de produtos saudáveis, que abrange sucos, geleias, salsichas, proteínas, pratos prontos, entre outros. Fundada em 1925, a Superbom comercializa os seus produtos em mais de 25 mil pontos de vendas em todo país. Em função disso, é considerada uma das principais empresas do ramo de alimentos para veganos e vegetarianos do Brasil. A empresa iniciou as suas atividades com a produção de suco de uva, no interior de uma antiga casa pertencente ao Colégio Adventista Brasileiro (CAB), que posteriormente ficou conhecido como Instituto Adventista de Ensino e, hoje, abriga o Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp-SP). Durante toda a sua história, a empresa atua diretamente ligada à Igreja Adventista do Sétimo Dia. Atualmente, a companhia conta com 250 colaboradores, entre a sede e as duas plantas da indústria (localizadas em São Paulo, capital, e em Lebon Régis, Santa Catarina).

    Nenhum comentário